Image Map

28/04/2016

Você é a mudança a qual eu precisava



O coração parecia uma escola de samba em comemoração por ter ganho o Carnaval. Já olhava para todos os casais como se quisesse perguntar a cada um quanto tempo de relacionamento e o que mais gostavam um no outro. Queria ser repórter amorosa e testemunha do próprio relato de amor. Queria lençóis fofos para colocar na cama e quadros com as fotos dos dois espalhados pela casa. Pela primeira vez na sua vida, ela queria amar.

Quem diria que a menina dos fones com altas batidas de músicas queria agora, nesse momento, escutar a sonoridade do coração dele. Logo ela, a garota que tanto gostara do superficial e tecnológico, buscava nesse momento, desligar todos os eletroeletrônicos e deitar na grama para admirar as estrelas que davam luz àquele céu tão escuro. Não precisava de travesseiro, tinha todo o conforto que precisara nos braços dele. Quentinho, aconchegante, perfumado e completo. Mais completo do que aquele pacote de jogos que ela comprou para passar – se distraindo- no inverno passado.

Aprendeu a ler livros físicos e deixá-los como um bom leitor sempre deixa seu companheiro de aventuras: surrado, cheio de marcações, gotas de lágrimas e com uma energia contagiante para o próximo que tocá-lo sentir, que ali, houve mais do que um conjunto de palavras: houve, um encontro de emoções, corações e mentes, todas unidas no mesmo ritmo e vontade de vivenciar um novo mundo fora do mundo habitual. Fora ele que ensinou todo esse amor pelo simples que ela havia adquirido. Fora ele, que com toda a paciência do mundo, entrelaçou suas mãos durante um caminhar pelo campo e não lhe fez promessas, nem planos, mas lhe fez ter certeza que qualquer atitude ou palavra dele mesmo que não planejadas seriam verdadeiras e sinceras.

Ela sorria agora. Nunca ninguém sequer havia visto seus dentes, ora, ela não sorria! A felicidade não morava nela, ou se algum dia morou, foi despejada por falta de pagamento. Muito trágico tal realidade para uma garota que sempre teve olhos brilhantes como o dela. Novidade demais ele, com toda aquela alegria conseguir contagiá-la e fazer com que esta garota tão sozinha, sentisse vontade e encontrasse motivos de dividir suas felicidades e dores com alguém.

“Eu pego em suas mãos, mas te ensino a caminhar sozinha sem medo.”

Garoto de ouro esse. Tão amoroso e com vontade de dar esse amor para ela que andava a procura. Duas vidas que se encontraram no momento certo. Ele, já estava exausto de amar e não ser correspondido e ela, já havia cansado de ser amada e não conseguir corresponder. Hoje, eles se completam como ninguém poderia imaginar que fosse acontecer. O ser humano é pequeno demais para entender que tudo e todos são movidos por amor, e não há objeto valioso nesse mundo que seja capaz de suprir a falta que o amor faz.

Olha aí mais um texto bem amorzinho para vocês. Vai me diga: gostou?

Deixe seu comentário.

Fiquem com Deus e até mais!

4 comentários:

  1. Você é linda. Mais um texto repleto de amor.
    Obrigada.

    www.chadefirulas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudades de ver você por aqui!
      Muito obrigada pelo comentário.

      Beijos!

      Excluir
  2. ai que lindo !! amei o texto , esta simplesmente maravilhoso .. arrasou bjoos amore
    conheça meu canal e blog !!
    canal :https://www.youtube.com/channel/UCzceBIdqBeL8TODUx5NQrFA
    blog :www.mundodasfashion.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Fico feliz que tenha gostado.

      Grande beijo!

      Excluir

Obrigada por ler o post, espero que tenha gostado. Deixe o link do seu blog para retribuir a visita.Venha mais vezes por aqui, vai ser um prazer ter você como leitor(a).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


Sonhos na bolsa © 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayná Soares.
Desenvolvido por:
imagem-logo