Image Map

06/10/2015

O padrão ideal é o seu


Tem que ter seios médios, nariz fino e empinado, bochechas bem desenhadas, olhos grandes e bem feitos, lábios grossos, sorriso grande, pernas compridas, barriga de tanquinho, bumbum grande e durinho, sem estria e sem celulite, pronto, tem que ser assim!
Que tem que ser assim o que, tá doido? Se não seguir essas regras rigorosamente se tiver tudo isso  ou boa parte mais faltar alguma coisinha a pessoas é feia? De que lugar tiraram isso?


Eu fico indignada com essas coisas, com as leis da sociedade e isso é realmente algo que me incomoda muito nos outros. Se você que está lendo isso for do jeitinho que eu descrevi ali em cima, parabéns você é linda! Mas se você que estiver lendo isso não seguir estas regras então vou te dizer uma coisa, se preparar para escutar: você também é linda!
Não é porque você não segue o estilo Barbie que deixa de ser bonita, fique sabendo disso. Se você que tá aí do outro lado tem suas pernas grossas, celulite, estrias, não tem as bochechas definidas, aquele bumbum durinho de capa de revista, tem o nariz comum, gordinho, achatadinho, pequeno, grande, tem lábios finos e um sorriso curto, porém sincero, saiba que é maravilhosa sendo assim do jeitinho que é.

Olhe para você no espelho e repare cada detalhe seu. Seus olhos parecem com os das sua mãe?  Seu nariz é a cópia do nariz do seu pai? Seu rosto é redondinho assim como o do seu avô?  Seu sorriso tem a mesma proporção do da sua avó?
Repare os seus detalhes e observe quem cada um deles te lembra, e pense no quanto se orgulha e ama as pessoas que por genética te passaram esses traços, então porque não amá-los se eles vieram da mistura das pessoas que são importantes pra você?

Se tem algum complexo com alguma parte do seu corpo, trabalhe para melhorar desde que isso te faça bem, mas nunca porque as pessoas dizem que está ruim do jeito que está. Se sente bem com as suas curvas? Com o seu peso? Se acha linda do jeito que é? Então pronto!  E você não se gosta do jeito que é?  Pois passe a se amar  com cada detalhe e diferença que traz com você, ninguém pode fazer isso no seu lugar.
Sua beleza não tem que ser medida em números, as proporções que foram feitas por Deus são perfeitas, as criadas pelos homens, não. Então pare de se achar menos só porque não pesa 55kg, ou tem 1,80 de altura. Se é baixinha, alta, cheinha, magrinha, de todas as formas você é linda, só por ser você e ser única.

O que eu quero que entendam e reflitam é que como eu disse no título: o padrão ideal é o seu. Como assim? O ideal para você e o correto é ser você mesma, e se sentir bem do jeito que é, não ficar seguindo coisas que os outros dizem e se achando inferior só porque não se encaixa no que as revistas dizem. Você tem que viver se aceitando dentro da capinha do seu corpo, e não querendo estar em outra. Tá com tudo no seu corpo, cada parte funcionando perfeitamente, saudável e bem? Então você está dentro  do padrão ideal... o da saúde!

Tá rolando sorteio no blog. Ainda não sabe? Então vem AQUI e veja os detalhes. PARTICIPE!!

28 comentários:

  1. Oi Thayná! Eu concordo com você, temos que nos amar, olhar no espelho e gostar do que vemos porque nos amamos e não porque alguém disse que temos que ser de um jeito ou de outro. Se nós não nos valorizarmos, quem vai? Ser vaidosa, gostar de se cuidar é um jeito de se amar também. Porém não devemos ser escravas da beleza. Tudo em excesso faz mal. Na minha opinião, o ideal é manter o equilíbrio. É como você disse, o mais importante é ter saúde!!!
    Beijos! ;*

    www.lisandramanfredi.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre! Se cuidar é bom desde que isso te deixe feliz, mas nada exagerado ao ponto de se escravizar por algo, o equilíbrio sempre é o ponto perfeito. Beijos.

      Excluir
  2. Oiii, curti muito esse seu post. Acho que todas devem pensar assim, se estão se sentindo bem consigo mesmas é o que importa. Contando que estejam com saúde, porque isso deve vir em primeiro lugar antes da estética né. Cheguei ao seu blog através de uma publicação sua em um grupo no face, achei bem legal sua ideia de interação! Então aqui estou eu, não te deixei no vácuo hahahahahahahahahaha

    Beijos, Chris Pereira
    http://blogdontstop1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por não ter me deixado no vácuo hahahaha, você é boa pessoa! Saúde é sempre o essencial, sem ela não tem jeito né? Beijos.

      Excluir
  3. Ótimo post é bem assim sempre fui corpão não gorda DPS q tive dois filhos engordei a primeira a me discriminar foi minha mãe eu chorava ela falava assim nossa vc ta gordaaa tão linda e gorda para de comer afffff agora ela parou pq engordou tbm rsrsrs
    www.dicasdadacy.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela tinha que te apoiar né? E também depois da gestação é difícil voltar ao corpo de antes. Mas aposto que continua linda e mais feliz ainda com seus filhos. Beijos.

      Excluir
  4. Oiie Thayná!!
    Você está super certa em tudo o que disse, pois o amor próprio é tudo na vida, afinal se nós não nos amarmos quem é que vai amar? Eu as vezes sou meio complexada com a minha aparência, mas ai leio textos como o seu e volto a ficar bem comigo mesma. Parabéns pelo texto.

    Beijinhos violetas ^^
    Lírios & Violetas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como é bom ler isso, saber que o que eu escrevi te fez sentir melhor. Mulher, pare com esse sentimento de complexidade, você é linda do jeitinho que é, certo? Nada de pensar diferente. Obrigada pelo carinho e beijos.

      Excluir
  5. Eu acho que não precisa existir um padrão, temos que ser o que queremos e não o que a sociedade exige , muitas vezes nos sentimos feios por não está no "padrão" e ficamos tristes, mas temos que aprender a nos amar de qualquer forma, adorei o texto.
    Beijosss!
    http://carolinapaivaa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O padrão é inventando pela sociedade e seguido por quem acha que ele é uma lei, mais isso não existe. Temos que nos amar de qualquer forma, como você disse. Beijos e obrigada.

      Excluir
  6. Oii flor amei seu post, Eu não ligo para que as pessoas fala acho que as pessoas tem que gosta do jeito que somos não poque uma e gorda ou magra é etc... Gostei do seu post Beijosss
    http://blograzylima.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, concordo com você. Beijos e obrigada.

      Excluir
  7. Excelente reflexão! Acho que está na hora da sociedade entender que não pode haver padrões para a beleza, pois a espécie humana é muito rica em diversidade. Somos todos muito diferentes uns dos outros e todos temos a nossa beleza (sem falar na beleza interior, que é a que mais importa). Concordo que cada um tem o seu padrão. Parabéns, Thayná, adorei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cada um tem seu jeito, e isso tem que ser respeitado. Obrigada, beijos!

      Excluir
  8. Super concordo com você! A gente tem que se sentir linda do jeito que somos, aceitar nossos "defeitos", amar as diferenças, as nossas características, etc!
    Só assim somos plenamente felizes!
    Adorei o texto!!
    Beijinhos
    http://talitascoralick.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cada parte nossa é exclusiva, então porque não amar, não é? Beijos e obrigada pela visitinha.

      Excluir
  9. Apenas verdades. Temos que ser do jeito somos e não d jeito que querem!

    andreiavalle.blogspot.com.br ❤

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, sermos quem somos, sem se preocupar com tabus. Beijos.

      Excluir
  10. Verdade, a mídia impõe para nós,o que é ter um corpo perfeito...
    Temos que exercitar o amor próprio,pois somos lindas e "perfeitas" como Deus nos fez.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso garota, ao invés de venderem a perfeição, deveriam ensinar a desenvolver o amor próprio. Beijos.

      Excluir
  11. Bela mensagem. Custei pra aprender isso, mas hoje me sinto bem melhor comigo mesma, bem mais leve :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca é tarde pra entender que temos que nos sentir felizes do jeito que somos. Beijos.

      Excluir
  12. Acho esses tipos de textos muito importantes para amparar garotas em desenvolvimento... Hoje eu já tenho essa consciência porque já tenho 20 anos nas costas, mas gostaria de ler coisas como estas quando era bem mais nova. Parabéns pelo texto, vai inspirar muita gente :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, quando atingimos uma idade já temos certa consciência de como buscar a perfeição é ridículo. Beijos.

      Excluir
  13. Ótimo texto! A vida fica mais leve quando a gente se aceita!

    ResponderExcluir

Obrigada por ler o post, espero que tenha gostado. Deixe o link do seu blog para retribuir a visita.Venha mais vezes por aqui, vai ser um prazer ter você como leitor(a).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...


Sonhos na bolsa © 2015-2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Thayná Soares.
Desenvolvido por:
imagem-logo